domingo, dezembro 19, 2010

Intermitência via rádio 13-01- 2009

(de uma conversa em canal 16

Sonhas?
sorte a tua
eu não sonho
pelo menos que me lembra
não sonho a dormir
é um mecanismo de defesa contra a saudade
a saudade é uma palavra que anda de braço dado com a ausência...


gosto de me molhar, mas um cobertor não resolvia a situação, ficava muito carregado de água e podia ser perigoso.
Gostas do perigo?
O coração a disparar as pernas a tremerem.
O coração está quente
acho
36.5º
por ai acima passa a estado febril e é uma porra no mar
tenho que andar com o arnês colocado
o arnês é um cordão umbilical que me liga ao barco, espécie de linha de vida, sem vida.



- Bom trabalho para ti hoje. Com muitos satélites nos céus
porque a manhã acordou muito bonita. Gosto de olhar o sol a acordar nestes dias com as nuvens de chuva a competirem umas com as outras.

Há dias vi uma estrela cadente. Deveria de ter pedido um desejo.

Um dia pedi e realizou-se, agora não quero abusar da sorte...

cada vez estou a escrever mais. Imagino que falo com alguém
aqui o som que escuto está no canal 16 em escuta permanente

aceito o beijo mas dispenso a cobertura...
agora vou virar-me para o outro lado...
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape