sexta-feira, julho 19, 2013

segredo...

 
 
meu amor do outro lado do mar.
gosto-te
um gostar inexplicável, que faz tremer por dentro de emoção
que faz o coração bater rápido a tentar ultrapassar o peito onde se encerra
um gostar que corta a respiração na ânsia de perpetuar o momento
o contacto dos lábios
a pele
os cabelos
as tuas mãos
o riso
espécie de melodia aos ouvidos
depois, depois o olhar espraia-se em mim e eu perco-me enamoro-me como um adolescente sem jeito
tudo isto és tu em mim
e mais que não consigo dizer por palavras, só sentir...
tão bom murmurar-te ao ouvido baixinho para que ninguém escute
amo-te.
 
João marinheiro  Inéditos  2013
Fotografia de Guganeto www.olhares.com
 

2 comentários:

Rosangela Delphino disse...

Suas palavras...minhas.
Ler seus escritos é uma constante pra mim, pois tenho um amor do outro lado do mar. Sou brasileira e ele ai da sua terra, maravilhosa, que aprendi a amar como minha também, um amor que vivo intensamente, à distância, que me dá alegria e a dor da ausência, tão intenso e real que parece que estamos próximos. Mas impossível de ser.
Parabéns pelo seu dom que tens em descrever meus sentimentos. Nem eu mesma consigo fazê-lo.

joão marinheiro disse...

Rosangela, bem vinda. O amor não escolhe fronteiras e não tem distancia que o derrube.

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape